Prosa de uma esteticista - com Nathalie Souza

Fototerapia e sua associação com os dermocosméticos

Nathalie Souza
Fototerapia e sua associação com os dermocosméticos

 

    Graças aos avanços na área da estética, tanto das eletroterapias quanto da cosmetologia, fica cada vez mais efetivo o tratamento da pele, proporcionando uma pele mais saudável e uma aparência mais harmônica.

    A Luz intensa pulsada e o LED são equipamentos não invasivos, não ablativos, eficientes, seguros e que proporcionam diversos benefícios nos mais variados tratamentos estéticos. Quando comparados ao laser, são aparelhos de baixo custo para o profissional.

    Tendo em vista as fototerapias, as empresas de dermocosméticos começaram a desenvolver ativos para serem associados a esses tratamentos. Os produtos que são utilizados em associação com a fototerapia, são chamados de dermocosméticos fotoativados. Essa associação prática pode ser chamada de skin Drug delivery, onde utiliza-se a luz para melhorar a permeação dos ativos, ou de terapia fotodinâmica, com a finalidade de ativar os ativos fotoativados, por exemplo.

    Os dermocosméticos que podem ser associados conta com diversas tecnologias. Como por exemplo:

- Dermocosméticos fotoativados: Os ativos contam com a tecnologia cromófora, onde os princípios ativos desses cosméticos são potencializados pela luz.

- Dermocosméticos fotopermeáveis: Atuam como um filtro condutor para o direcionamento de fótons.

- Dermocosméticos cromóforos: Possuem características de fotopermeação, fotoativados e que promovem uma estimulação química induzida.

 

Imagem retirada do google.
Cosmetologia

Deixe seu comentário